O lugar e a língua

Autori

  • Vera Lúcia de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.6092/issn.2036-0967/1651

Abstract

For writers, homeland may be a language, a memory, an individual or a collective story, the body, the pain one feels inside, the remotion of the past and the emptiness deriving from this process. Which relationship do migrant poets and writers entertain with the country they are living in? This essay is a reflection about these questions, through the experiences of three foreign authors, who chose to write in Italian. Para os escritores, a pátria pode ser uma língua, uma memória, uma história individual ou coletiva, o corpo, a dor que se carrega dentro, a remoção do passado e o vazio que deriva deste processo. Que relação os poetas e os escritores migrantes estabelecem com o lugar e com a língua em que vivem? Este ensaio é uma reflexão sobre tais questões, a partir da breve análise de três experiências de autores estrangeiros, que escolheram a língua italiana como língua literária.

Pubblicato

2009-11-16

Come citare

de Oliveira, V. L. (2009). O lugar e a língua. Confluenze. Rivista Di Studi Iberoamericani, 1(2), 58-70. https://doi.org/10.6092/issn.2036-0967/1651

Fascicolo

Sezione

DOSSIER