Diários dos Viajantes Estrangeiros como Subsídio para a Pesquisa Urbana: Os equipamentos e espaços públicos de Porto Alegre, 1820 a 1890

Autori

  • Bruno Cesar Euphrasio de Mello CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO – FEEVALE

DOI:

https://doi.org/10.6092/issn.2036-0967/3081

Parole chiave:

viajantes, diários, Porto Alegre, Brasil, século XIX

Abstract

Este artigo faz uma análise das transformações e características dos equipamentos e espaços públicos de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, Brasil, entre os anos de 1820 e 1890. Usa como fonte descrições da cidade contidas nos diários de viagem de um conjunto de viajantes estrangeiros - Auguste Saint-Hilaire, Arsène Isabelle, Robert Ave-Lallemant, Oscar Canstatt, Wilhelm Breitenbach e Moritz Schanz. O uso destes relatos ligados afetivamente aos seus autores permitiria uma aproximação íntima com o cotidiano da cidade e com seus espaços, relativizando pressupostos já estabelecidos.

 

Pubblicato

2012-05-25

Come citare

de Mello, B. C. E. (2012). Diários dos Viajantes Estrangeiros como Subsídio para a Pesquisa Urbana: Os equipamentos e espaços públicos de Porto Alegre, 1820 a 1890. Confluenze. Rivista Di Studi Iberoamericani, 4(1), 35-65. https://doi.org/10.6092/issn.2036-0967/3081